Vantagens de uma dieta low carb - artigo

Dieta Low Carb – Quais as Suas Vantagens?!

Quais as vantagens de uma Dieta Low Carb? Para começar a eliminar os carboidratos de forma saudável e que não prejudique seu organismo, você precisa entender as vantagens dessa dieta, como começar, o que comer e como evitar os erros comuns.

 

 

 

AS VANTAGENS DE UMA DIETA LOW CARB: POR QUE VOCÊ PRECISA SE LIVRAR DOS CARBOIDRATOS

 
 
 

Dietas Low Carbs têm atraído muita atenção da mídia ultimamente e atraindo também vários adeptos. Quanto ao motivo, é simples: a dieta low carb simplesmente funciona. Entretanto, muitas pessoas ainda acreditam que as artérias gordurosas entopem, então a dieta cria polêmica. A polêmica é criada porque ela se baseia em ingerir gordura, mas atenção: ingestão de gordura boa e eliminar o consumo de carboidratos. Na verdade, a gordura é essencial para a sua saúde, os carboidratos não são.

 

 

Este artigo também irá explicar como iniciar uma dieta low carb e o que é permitido comer nessa dieta. Mas vamos começar por dar uma olhada em algumas das principais vantagens de uma dieta com baixo consumo de carboidratos.

 

 

1. VANTAGENS DE UMA DIETA LOW CARB É DIMINUIR OS NÍVEIS DE AÇÚCAR NO SANGUE E OS NÍVEIS DE INSULINA.

 
 

Comer carboidratos tem o maior impacto em nossos níveis de açúcar no sangue e insulina. Restringir carboidratos em nossa dieta tem um resultado direto na redução dos nossos níveis de açúcar e necessidades de insulina. Altos níveis de açúcar desempenham um papel em quase todas as doenças crônicas, como diabetes tipo 2, demência, câncer e doenças cardiovasculares.

 

 

Diminuindo a ingestão de carboidratos, o açúcar no sangue é controlado e os níveis de insulina são minimizados. Isso é incrivelmente benéfico para aqueles com diabetes (tipo um ou dois) e aqueles com resistência à insulina.

 

 

 

 

 

2. VANTAGENS DE UMA DIETA COM BAIXO TEOR DE CARBOIDRATOS PARA A FOME

 
 

Dietas low carbs aumentam a saciedade devido aos níveis equilibrados de açúcar que promovem no sangue. Ao contrário de dietas ricas em carboidratos, o açúcar no sangue e os picos de insulina ao longo do dia são reduzidos ao mínimo.

 

 

Em um estudo abrangente analisando os desejos por comida e apetite, os participantes de uma dieta com pouco carboidratos foram diretamente comparados com os participantes de uma dieta típica com pouca gordura. Os resultados mostraram que o grupo com baixo teor de carboidratos sofreu desejos muito menores e ficou muito menos incomodado com a fome.

 

 

Devido aos efeitos promotores da saciedade causados pela ingestão de gordura na dieta. Uma dieta rica em gorduras saudáveis definitivamente mantém os desejos afastados. Por isso a importância de fazer uma dieta low carb antes de aderir ao jejum intermitente, pelo menos umas 2 semanas antes, tem de preparar o organismo para o jejum intermitente com a dieta low carb.

 

 

 

 

 

3. VANTAGENS DE UMA DIETA LOW CARB PARA O CORAÇÃO

 
 

Dietas de baixo carboidrato têm um impacto benéfico em uma série de fatores de risco para doenças cardíacas. Especificamente, eles reduzem os triglicerídeos (um importante fator de risco para doenças cardiovasculares) e aumentam as concentrações de HDL (conhecido como o colesterol “bom”).

 

 

Além disso, eles levam à redução de açúcar no sangue, insulina e inflamação no corpo; Todas essas coisas podem ser prejudiciais ao coração. Além disso, outra grande vantagem é a perda de peso, uma vez que a obesidade aumenta o risco cardiovascular.

 

 

 

 

 

4. VANTAGENS DE UMA DIETA COM BAIXO TEOR DE CARBOIDRATOS PARA PERDA DE PESO

 
 

Para investigar o impacto de uma dieta baixa em carboidratos no peso, a Harvard School of Public Health analisou mais de 53 estudos diferentes, com mais de 68.000 participantes.

 

 

Os resultados não surpreenderam: de todas as intervenções dietéticas para perda de peso, os indivíduos que utilizaram intervenções com baixos níveis de carboidratos perderam mais peso do que os participantes em intervenções com baixo teor de gordura.

 

 

A dieta low carb impacta positivamente à saciedade, o peso e o sistema cardiovascular.

 

 

Com a dieta low carb você aprende a comer comida de verdade e deixará de lado todos os alimentos ultraprocessados. Você não só come alimentos deliciosamente frescos e deliciosos todos os dias, mas também melhora muito a sua saúde e diminui o risco de doenças no futuro.

 

Publicidade

 

 

COMO FAÇO PARA SEGUIR UMA DIETA LOW CARB?

 
 

Na sua forma mais básica, a dieta low carb ou dieta baixa em carboidratos significa comer muitos alimentos saudáveis para animais, bem como alimentos ricos em nutrientes. Devemos encorajar e enfatizar os tipos mais nutritivos desses alimentos vegetais.

 

 

Por exemplo; o espinafre ou um abacate; Eles são cheios de nutrientes, mas extremamente baixos em carboidratos digestíveis (que se transformam em açúcar no corpo). Da mesma forma, se examinarmos pão ou arroz, eles têm alguns nutrientes, mas não muitos. No entanto, eles também contêm uma quantidade significativa de carboidratos digestíveis que aumenta seu açúcar no sangue significativamente.

 

 

 

 

QUANTOS CARBOIDRATOS DEVO COMER EM UMA DIETA LOW CARB?

 
 

Se você está apenas começando uma dieta baixa em carboidratos, isso pode ser confuso. Em resumo, depende da necessidade de carboidratos do seu organismo. Se você é um atleta e tem gasto energético muito alto, com certeza você terá de consumir bem mais carboidratos do que uma pessoa que não tenha esse gasto. Então é muito relativo a quantidade consumida por cada pessoa. No entanto, para obter as melhores vantagens de uma dieta baixa em carboidratos, é melhor mirar na extremidade inferior da escala.

 

 

 

 

PLANOS DE UMA DIETA EXTREMAMENTE BAIXA EM CARBOIDRATOS

 
 

Normalmente, dietas extremamente pobres em carboidratos contêm 25g por dia ou menos de carboidratos. Esta maneira de comer é também conhecida como uma dieta cetogênica. Para a maioria das pessoas, seguir uma dieta extremamente baixa em carboidratos é opcional e não necessária.

 

 

Algumas pessoas apreciam o estilo de vida com pouco carboidrato e alto teor de gordura apenas para uma alimentação mais saudável e os benefícios na composição corporal. Para outros, no entanto, manter os carboidratos baixos é uma tarefa difícil. Mas o que devemos frisar aqui, que o consumo de carboidratos não pode ser totalmente eliminado, porque pode ser perigoso ao organismo.

 

 

 

 

DIETA LOW CARB E DIABETES TIPO 2

 
 

Muitos diabéticos têm se voltado para a dieta com poucos carboidratos.  E esta decisão faz todo o sentido. Em uma pessoa saudável, a insulina é liberada pelo organismo para liberar o excesso de açúcar do sangue para as células.

 

 

Para tornar uma história complicada simples; Nos diabéticos tipo dois, o pâncreas está agora produzindo uma quantidade inadequada de insulina à qual as células do corpo se tornaram resistentes. O resultado é descontrolado, aumentando rapidamente os níveis de açúcar no sangue quando se come alimentos que se convertem em glicose. Portanto, você poderia dizer que essas pessoas são intolerantes a carboidratos.

 

 

Isso nos leva à pergunta: por que alimentar um prato cheio de carboidratos com alguém com intolerância a ele? Além disso, proteínas e gorduras não têm um impacto significativo nos níveis de açúcar no sangue. Como resultado, retirar os carboidratos retira o único macronutriente dietético que causa picos de açúcar no sangue em diabéticos.

 

 

Embora seja geralmente aceito que não há cura para o diabetes tipo 2, uma dieta baixa em carboidratos pode reverter permanentemente a doença.

 

 

 

 

UMA DIETA LOW CARB RELAXADA

 
 

A ingestão de carboidratos em qualquer lugar entre 25g e 150g de carboidratos digestíveis se qualifica como uma dieta mais relaxada de baixo carboidrato. Enquanto 150g de carboidrato estão longe de ser uma quantidade pequena, ainda é uma grande melhora para uma dieta padrão que é muito pesada em carboidratos, que é a dieta normalmente consumida pelos ocidentais.

 

 

A opção por uma ingestão maior de carboidratos também pode ser uma escolha para os atletas que acham que isso ajuda seu desempenho. No entanto, o desempenho esportivo da elite ainda é definitivamente possível em quantidades menores de carboidratos.

 

 

Como resultado do menor consumo de carboidratos, muitas pessoas experimentam perda de peso sem esforço, mais energia (após o período inicial de adaptação) e uma relação mais saudável com a comida.

 

 

 

 

ERROS COMUNS DA DIETA LOW CARB

 
 

Também vale lembrar um erro típico que muitas pessoas cometem quando descartam os carboidratos. Por isso, estou me referindo ao erro de não substituir os carboidratos reduzidos com fontes saudáveis de gordura suficientes. Como resultado, as pessoas compreensivelmente se sentem sem disposição e fracas e lutam ao longo do dia com a falta de energia combinada com os desejos por comida. O resultado é ficar estressado e, finalmente, desistir de sua nova dieta antes de dar uma chance.

 

 

Portanto, as dietas com pouco carboidrato devem enfatizar grandes quantidades de gordura, mas a fonte dessa gordura na dieta é fundamental, pois há muitas gorduras ruins na indústria alimentícia. Uma boa regra é se ater a gorduras naturais da natureza, em vez de comidas processadas e alimentos industriais. Por exemplo, o consumo da manteiga e margarina. Evite o consumo da margarina que é um veneno para o nosso organismo e saiba que a manteiga é saudável e deve ser consumida sem medo.

 

 

Outra coisa a (não) considerar é o índice GI de carboidrato. Quanto a isso, você deve estar ciente de que o índice glicêmico dos alimentos não tem relação com a ingestão de carboidratos. Embora muitas pessoas associem o ‘alto GI’ como o mau e o ‘baixo GI’ como bom, tudo isso significa que o corpo digere alguns carboidratos mais devagar que outros. Não importa a velocidade, eles ainda são todos digeridos e contribuem para o total de carboidratos.

 

Selecione a quantidade certa de carboidratos para você e não tenha medo de adicionar mais gordura saudável.

 

 

 

 

QUAIS ALIMENTOS COM BAIXO TEOR DE CARBOIDRATOS SÃO SAUDÁVEIS?

 
 

De um modo geral, as dietas de baixo carboidrato devem incluir muitos alimentos frescos e de ingrediente único. No entanto, isso nem sempre é o caso, e é possível “fazer” uma dieta baixa com carboidratos errado.

 

 

Em resumo; Para experimentar as vantagens de uma dieta baixa em carboidratos você tem que formular sua dieta corretamente.  Em suma, as escolhas alimentares que você fará determinarão se sua dieta lowcarb é saudável ou não.

 

 

Segue infográfico que criei mostrando quais são os alimentos permitidos na dieta low carb.

 

Alimentos permitidos na dieta low carb

Gostou do artigo!? Então compartilhe com os seus amigos!! E comece desde já a dieta low carb.

2 comentários sobre “Dieta Low Carb – Quais as Suas Vantagens?!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *